1º mês em Dublin!

Posted on Posted in Intercâmbio

Fala galera, tudo bem? Demoramos para postar de novo mas foi por um motivo especial: HOJE FAZ UM MÊS QUE CHEGAMOS EM DUBLIN! Dia 13/06 desembarcamos aqui na Ilha Esmeralda com bastante alegria, ansiedade, medo mas principalmente muitos planos e sonhos. Se você acompanha a gente desde cedo sabe como foram nossas escolhas dos pacotes de intercâmbio, mas caso você tenha chegado agora, dá uma olhada primeiro aqui e depois aqui. Agora que tá todo mundo atualizado, vamos dividir algumas experiências com vocês!

Escola

Nos outros posts não comentamos sobre a escola que estamos estudando pois precisávamos de mais tempo para avaliá-la. Logo quando chegamos achamos a escola bem legal, nós estudamos na Grafton College, na parte da manhã. Nosso primeiro dia foi bem comum, muitos alunos começando juntos, foi um pouquinho confuso. Conseguimos fazer nosso teste de nivelamento de inglês e depois fomos direto para nossa turma. Tudo normal.

Os professores são bem divertidos, bem animados, até mesmo logo cedo pela manhã (rs). Antes de sairmos do Brasil pensamos que iriamos ficar perdidos, que iriamos nos perder na rua e outras coisas, mas tem bastante brasileiro por aqui e perdido é a ultima coisa que você vai ficar!

Acomodação

Quando fechamos os nossos pacotes do curso para Dublin, já estava incluso 15 dias de acomodação em residencia estudantil. Assim que chegamos aqui começamos a procurar um lugar pra gente ficar, pois não sabíamos quanto tempo iria demorar essa procura. Uma dica muito importante nessa busca é entrar no máximo de grupos possíveis que você consegue administrar a procura de uma vaga em alguma casa. Como são muitos estudantes vindo para cá, é super comum você dividir a casa com várias pessoas de nacionalidades diferentes ou até mesmo só com brasileiros. O ideal é você pegar uma casa perto da sua escola, porque quando chegar o inverno e bater aquela preguiça de levantar no frio, você não vai precisar acordar tão cedo.

Comida

Uma coisa que não pode faltar é comida: onde comer, o que comer e quanto custa? Nós estudantes temos direito ao Leap Card, que é uma carteirinha de estudante que serve para ter desconto em algumas lojas e lanchonetes e é utilizado também como “bilhete único”. É só pagar € 10,00 e você consegue seu Leap Card na hora.

O mais chocante para gente foi mercado. Primeira vez que fomos no mercado e vimos os preços das coisas, enlouquecemos! Eram tantas coisas baratas que a gente ficou de boca aberta! Quem já teve ou tem que fazer compra todo mês sabe o quanto de sacrifício que a gente faz para não gastar muita grana mas ao mesmo tempo comer bem. Só tínhamos um grande problema na nossa frente: não podíamos levar muita coisa pois não cabia na geladeira! (rs)

Ainda tem alguns mercados que fazem algumas promoções no final do dia ou quando está perto do prazo de validade de alguns produtos que valem muuuuuito a pena! Se você vier pra cá, você vai perceber que passar no mercado vai ser inúmeras vezes mais barato do que comer na rua!

Distância

A maioria das coisas que você precisa fazer aqui em Dublin, você consegue fazer a pé. Dependendo da sua disposição, uma hora e meia andando até chegar a um determinado local vai ser tranquilo! Nós, por exemplo, nas duas primeiras semanas não pegamos ônibus absolutamente para nada, fizemos tudo a pé!

Outra coisa bem interessante é o verão daqui. O sol começa a raiar por volta das 4:30 da manhã e só vai se por volta das 22hs! Isso mesmo, DEZ HORAS DA NOITE! No início foi bem estranho, pois tentávamos entender por que sentíamos sono enquanto o dia ainda estava claro, quando olhávamos no relógio víamos que eram quase 22hs.

Mais uma coisa que nos deixou bem assustados no início: pessoas andando normalmente nas ruas de madrugada! Saindo dos pubs, conversando no celular, etc… Não estou falando que não tem perigo aqui em Dublin, tem sim, mas é beeeem menor do que estávamos acostumados!

Esse primeiro mês foi importante para conhecermos melhor os lugares próximos da nossa casa e na nossa escola. Explorar novos caminhos e tentar acostumar com o tempo maluco que acorda com chuva e na hora do almoço já tá um sol de verão.

Uma vez li em algum lugar que quando mudamos nossa rotina, passamos por três fases: exploração, adaptação e aproveitamento. Que nossa vontade de explorar nunca acabe, que nossa capacidade de adaptação e aproveitamento sempre melhore.

(Visited 205 times, 1 visits today)

Comments

comments

3 thoughts on “1º mês em Dublin!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.