Sobre

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×

Olá, meu nome é Carlos Eduardo, 25 anos, aquariano, estudo Ciências Contábeis, analista financeiro.  Ok, meu eu nem sempre foi esse. No momento estou assim, se algum dia mudar de ideia, serei diferente, com outros pensamentos… mas então qual a minha essência?

Sempre gostei muito de matemática, português e literatura. Criado por 3 professoras, com facilidade para cálculos e uma vontade imensa para leitura, as 3 principais matérias me rodeavam todos os dias. Ler era o meu hobby. Visitar uma livraria era me deixar no paraíso, demorava horas escolhendo um ou dois livros que me fariam fantasiar, que pudessem me sugar pra dentro do mundo imaginário descrito no texto.

Era viciado em livros: hoje não mais. Era viciado em séries: hoje não mais. Era viciado em vôlei: hoje não mais. Era viciado em música: hoje não mais. Essas eram as minhas raízes, minha essência que achei que nunca mudaria. Com essas informações você poderia ter certeza de que conseguiria me entender, pelo menos um pouco.

Mas então, se as minhas raízes ficaram no passado, quem sou eu hoje? Gosto de música: gosto, mas não tenho tempo. Gosto de ler: gosto, mas não tenho tempo. Gosto de séries: gosto, mas não tenho tempo. Gosto de vôlei: gosto, mas não tenho tempo.

Tempo.

O que fez mudar essa percepção de tempo? A quantidade de coisas a se fazer? A definição de prioridades da vida? A responsabilidade de ter que pagar as contas do mês, comer bem, ter uma vida saudável e no “tempo que sobra” encontrar minha felicidade interna… no presente ou no passado? No atual ou na essência? “No atual, claro. Se for buscar na essência você não aproveitará realmente o tempo de sobra.”

Ok, não seja tão dramático, você está feliz hoje. Estou ou sou feliz? Estou. Sou. Estou. Sou. Estou. Estou. Estou… o que mesmo? Ah lembrei, sem tempo.

E agora, como voltar no tempo? Voltar as minhas raízes? Precisarei mesmo voltar no tempo? Não posso traçar que a partir de agora serei o Carlos Eduardo de sempre, estudioso, atencioso e divertido?

Sempre.

“Você acabou de dizer que mudou de essência, que não é mais a mesma pessoa. Qual o sempre que você está considerando?”

É, apesar de ter estudado várias temas durante esses 25 anos, esqueci o mais importante de todos: EU. Não sei quem sou, o que realmente gosto, se é continuo ou passageiro, se é essência ou fase.

Então está decidido, a partir de agora focarei na matéria mais importante da minha vida: meu eu interior. Vou descobrir meus hobbies, minhas manias, o que me deixa feliz, o que me deixa pensativo, o que realmente faz com que eu seja de verdade.

E você, quem é? Qual a sua essência?

(Visited 124 times, 1 visits today)
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×

Deixe um comentário

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×